Warning: session_start(): open(/mnt/portais_gdf/var/lib/php/session/site_sec_31_rel_inst/sess_ef5d021dc935db7e3c952ed267c87e0b, O_RDWR) failed: Permission denied (13) in /mnt/portais_gdf/var/www/html/site_sec_31_rel_inst/public/wp-conteudo/themes/site-secretarias/header2.php on line 1

Warning: session_start(): Failed to read session data: files (path: /mnt/portais_gdf/var/lib/php/session/site_sec_31_rel_inst) in /mnt/portais_gdf/var/www/html/site_sec_31_rel_inst/public/wp-conteudo/themes/site-secretarias/header2.php on line 1
Assentamentos ganham orientação conjunta – Secretaria de Estado de Relações Institucionais do DF
Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/11/21 às 16h28 - Atualizado em 24/11/21 às 16h28

Assentamentos ganham orientação conjunta

COMPARTILHAR

Contrato com agência nacional amplia atendimento da Emater a unidades da região

 

 

AGÊNCIA BRASÍLIA* | EDIÇÃO: CHICO NETO

 

Questões ligadas ao geoprocessamento, concessão e renovação de declarações de aptidão ao Pronaf (DAPs), implantação de programa de construção de casas, titulação das terras e Cadastro Ambiental Rural (CAR) foram algumas das prioridades enumeradas pelos moradores dos assentamentos Antônio Juvêncio e Santa Helena, em Padre Bernardo (GO). Por meio de contrato com a Agência Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural (Anater), a Emater começou a trabalhar junto aos assentados dessas regiões. As reuniões são feitas em área aberta, em cumprimento às medidas sanitárias contra a propagação da covid-19.

 

Membros dos assentamentos participam de reunião, em ambiente aberto, para discutir questões relacionadas à terra | Foto: Divulgação/Emater

Nos dois assentamentos, o forte do cultivo são as hortaliças, em especial mandioca, milho e abóbora. A expectativa é aumentar a produção, com boas chances para a criação de peixes, plantio de frutas e avicultura — ovos e frango de corte.

 

“É importante que a construção do atendimento seja feita junto à comunidade”, aponta o supervisor regional Leste da Emater, Matheus Miranda. “Eles é que vão apontar o norte do trabalho”.

 

Pela estratégia de trabalho, até o fim deste ano haverá reuniões para levantamento das questões e da forma de atuação. A partir de 2022 começam os atendimentos coletivos e individuais.

 

A Emater já atendeu os dois assentamentos em ocasiões anteriores. “Nosso objetivo agora é aperfeiçoar o trabalho e melhorar as condições de vida e produção dos assentados”, explica Matheus.

 

O contrato com a Anater prevê ainda o atendimento aos assentamentos Oziel Alves III, Marcia Cordeiro Leite e Pequeno William, também já atendidos pela Emater em oportunidades anteriores. Ao todo, 374 famílias serão beneficiadas. O valor do convênio é de R$ 1.423.578,70, montante do qual a Anater cobre 70% — R$ 995.505,22.

 

*Com informações da Emater 

 

Fonte: Agência Brasilia